Seu navegador tentou rodar um script com erro ou não há suporte para script cliente.
Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo
Página inicial > Comunicação > Notícias > Ação extrajudicial vai garantir que Vila Dique receba atendimentos de saúde por meio de unidade móvel do município de Porto Alegre
RSS
A A A
Publicação:

Ação extrajudicial vai garantir que Vila Dique receba atendimentos de saúde por meio de unidade móvel do município de Porto Alegre

As Defensoras Públicas Dirigentes dos Núcleos de Defesa da Saúde e de Defesa Agrária e Moradia, Regina Célia Rizzon Borges de Medeiros e Isabel Rodrigues Wexel, respectivamente, reuniram-se na sede da Defensoria Pública, no dia 5 de junho
Ação extrajudicial vai garantir que Vila Dique receba atendimentos de saúde por meio de unidade móvel do município de Porto Alegre - Foto: Renan Silva Neves/Ascom DPERS

Porto Alegre (RS) – As Defensoras Públicas Dirigentes dos Núcleos de Defesa da Saúde e de Defesa Agrária e Moradia, Regina Célia Rizzon Borges de Medeiros e Isabel Rodrigues Wexel, respectivamente, reuniram-se na sede da Defensoria Pública, no dia 5 de junho, com a representante da Associação de Moradores da Vila Dique, Vera Lúcia Fernandes, a Analista em Saúde - Enfermagem da DPE/RS, Bruna Alexsandra Rosa, e a representante da Secretaria Municipal da Saúde de Porto Alegre, Ana Lúcia Dagord, para tratar sobre atendimentos de saúde na comunidade.

Durante a reunião, Ana Lúcia Dagord, que também é Gerente Distrital Noroeste/ Humaitá/ Navegantes/ Ilhas, região que compreende a Vila Dique, informou que aquela comunidade passará a receber atendimento de saúde por meio de unidade móvel adquirida pelo Município de Porto Alegre. A previsão de início dos atendimentos é de 90 dias.

Para Regina, a solução apresentada pela municipalidade representa um ponto de partida para o desfecho do problema relativo aos atendimentos de saúde na Vila Dique, que há anos deixaram de ser realizados naquela comunidade, fazendo com que os moradores buscassem a rede pública de saúde em outros locais distantes de suas residências.

Regina também destacou que o avanço foi obtido de forma extrajudicial, após a realização de reuniões com representantes da Defensoria Pública, da Secretaria Municipal de Saúde de Porto Alegre, do Conselho Municipal de Saúde, e de representantes da comunidade da Vila Dique.

 

Texto: Nicole Carvalho/Ascom DPERS
Defensoria Pública do RS
Assessoria de Comunicação Social
http://www.defensoria.rs.def.br/
Twitter: @_defensoriaRS
Facebook.com/defensoriars

Endereço da página:
Copiar