Seu navegador tentou rodar um script com erro ou não há suporte para script cliente.
Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo
Página inicial > Comunicação > Notícias > Câmara de Conciliação promove ação com a Crefisa e obtém 100% de acordos firmados
RSS
A A A
Publicação:

Câmara de Conciliação promove ação com a Crefisa e obtém 100% de acordos firmados

Câmara de Conciliação promove ação com a Crefisa e obtém 100% de acordos firmados
Câmara de Conciliação promove ação com a Crefisa e obtém 100% de acordos firmados - Foto: Victória Netto / Ascom DPERS

Porto Alegre (RS) – Com o objetivo de estimular a população a resolver seus conflitos por meio do diálogo antes de instalar litígio via processo judicial, a Câmara de Conciliação da Defensoria Pública do Estado do Rio Grande do Sul (DPE/RS) realizou, na última segunda-feira (10), um dia inteiro de negociações entre assistidos e a Crefisa, firmando acordos em todos os 16 atendimentos efetuados. As sessões de conciliação ocorreram na Unidade Central de Atendimento (UCAA Cível) da Defensoria Pública e contaram com a atuação da Defensora Pública Coordenadora da Câmara de Conciliação, Rafaela Consalter, e com a presença da representante da Crefisa Gleici Silva, que veio de São Paulo exclusivamente para as negociações.

De acordo com Rafaela, o procedimento para que se realize a conciliação começa com o agendamento prévio, na UCAA Cível, de todas as pessoas que têm questões a resolver com um mesmo credor e que manifestem interesse em conciliar, buscando um acordo que seja vantajoso tanto para o assistido, quanto para a instituição em questão – que pode ser financeira, imobiliária ou de varejo. Em um segundo momento, a Câmara encaminha a demanda a esse credor, com quem faz reuniões explicando o funcionamento das sessões de conciliação. No caso da Crefisa, a representante de São Paulo, que destinou uma alçada diferenciada de negociação para os assistidos da Defensoria Pública, deslocou-se até a Sede da Câmara para dialogar e propor resoluções.

“Além de as pessoas conseguirem revisar suas dívidas, dentro de um patamar que elas consigam arcar, muitas vezes o débito é liquidado”, afirmou Rafaela sobre os benefícios da ação. Ainda segundo a Defensora Pública, o mais importante para essas pessoas é que, após o acordo, elas conseguem voltar ao mercado. “O nome delas, que está negativado nos cadastros de proteção ao crédito, é excluído em no máximo cinco dias a contar do acordo, e as pessoas voltam a ter o nome limpo, que é o que a maioria busca.”

O encontro integrou a primeira experiência da Câmara de Conciliação com uma instituição financeira. Anteriormente, já havia sido realizada uma sessão de conciliação referente a questões condominiais, que, com quatro atendimentos, também contou com 100% de acordos firmados. Dando continuidade aos atendimentos, a Câmara tem datas marcadas com o Zaffari Bourbon, com a Paquetá, com o Banco Itaú e novamente com a Crefisa.


Texto: Victória Netto/Ascom DPERS
Assessoria de Comunicação Social
Defensoria Pública do RS
Assessoria de Comunicação Social
http://www.defensoria.rs.def.br/
Twitter: @_defensoriaRS
Facebook.com/defensoriars

Endereço da página:
Copiar